Categorias
Sem categoria

ATENÇÃO MORADORES DE CALMON VIANA

DERSA É ACUSADA DE NÃO PAGAR INDENIZAÇÕES CORRETAMENTE

MORADORES DE POÁ TAMBÉM TERÃO SUAS CASAS DEMOLIDAS

Em reunião realizada com o deputado Carlos Giannazi (PSOL) no dia 19/01, moradores do Jd. Oratório (município de Mauá) denunciaram as várias irregularidades cometidas pela Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S.A – empresa de economia mista vinculada à Secretaria dos Transportes do Estado de São Paulo) no processo de desapropriação de residências e do pequeno comércio local para a construção do Trecho Sul do Rodoanel.

Centenas deles receberam indenizações bem abaixo do valor real de mercado e não estão conseguindo comprar outros imóveis. Muitos inclusive estão morando de favor em casas de amigos, parentes e vizinhos. Além disso houve relatos de ameaças, assédio moral e constrangimentos feitos por representantes da Dersa para que os moradores aceitassem os valores oferecidos e saíssem imediatamente das suas casas.

O parlamentar, que recentemente visitou o bairro junto das famílias desapropriadas, encaminhou o caso para a Defensoria Pública a fim de que os direitos destas sejam respeitados pelo governo estadual.

Giannazi também solicitará uma reunião com o presidente da empresa e, caso não haja a solução imediata do problema, fará um Requerimento de convocação para que ele venha a depor na Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa.

FONTE: carlosgianazzi.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code